domingo, 8 de março de 2015

"QUEM AMA,NÃO MALTRATA"..UMA CAUSA,QUE DEVE SER DIÁRIA,NO DIA INT. DA MULHER

Agora algo de MUITO SÉRIO,por motivos que me tocaram e tocarão sempre,e por sempre ter defendido,não posso deixar de dar aqui a minha contribuirão,com o meu TOTAL apoio a esta causa...."QUEM AMA NÃO MALTRATA"
em pleno SEC.XXI,e num ano que tem sido trágico em situações destas,pelas noticias vindas a publico e pelos números conhecidos,(faltam os que se "escondem" entre quatro paredes),ao observar,(neste caso directamente),como os adolescentes se tratam entre si,sejam eles homens ou mulheres,a forma gratuita como se agridem,fisicamente ou verbalmente,o que não agoura nada de bom,para as próximas gerações,ao contrario do que seria de esperar e desejável,á que tudo fazer para consciencializar a sociedade e infelizmente,também quem legisla as leis,(não deveria ser necessário,haver leis,deveria ser algo enraizado em nós)para este tipo de violência,e se não se pode erradicar da sociedade,que quem o pratique seja severamente punido, e quem sofre com ela,seja protegido e tenha as condições suficientes e necessárias para não ter de conviver nunca mais com este tipo de situação,e saliento também que não é SÓ á violência física que me refiro,a verbal e psicológica é igualmente e da mesma forma gravíssima.
Pediram-me,somente,para partilhar a campanha,mas eu nunca o faria sem dar a minha opinião sobre este tema tão tocante,e ainda por cima a um mês de fazer um ano,de ter perdido uma AMIGA por uma situação destas.Apoiem,divulguem,mas acima de tudo "batam-se" por denunciar e punir todas as situações que conhecem,porque a VERDADE é que quem....."AMA NÃO MALTRATA"

P.S....a foto refere-se em exclusivo a violência contra a MULHER,mas não nos podemos esquecer que também existe contra o homem,e seja ela contra quem for É SEMPRE condenável,e a campanha em si,abrange todas as situações de violência,física,mental,etc,e também não especifica o género,seja ele feminino ou masculino,por isso o lema ter sido assim escolhido                      

  J.C.  



(COMEMORANDO-SE HOJE O DIA INTERNACIONAL DA MULHER,SERÁ "APENAS" MAIS UM DIA PARA RELEMBRAR ALGO QUE DEVE ESTAR PRESENTE TODOS OS DIAS DO ANO)


8 comentários:

  1. Concordo querido, sou contra qualquer ato de violência. Bjus

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Dificilmente alguém poderá não estar de acordo,claro que temos de excluir os energúmenos,que a praticam e acham ser "normal" essa forma de estar.

      Beijos poetisa

      Eliminar
  2. Fascinante trazer à tona esta questão!

    Parece surreal, mas infelizmente mesmo com a lei Mª da Penha, a violência não cessa.

    A cada dia ouvem-se notícias bárbaras, agora então virou "moda" ameaçar e matar a ex-companheira, quando o "sujeito" sente-se rejeitado pela mesma!

    Outro dia eu escutei na tv, um marido que assassinou a mulher, por ela pedir o divórcio, após "30
    ANOS" de casamento!!!!
    Na hora eu pensei,"Meu Deus, não foram 30 dias nem 30 meses, mas 30 anos! Depois dessa... está tudo fodido... não me surpreendo com mais nada!"

    Meus pais NUNCA me bateram, em compensação, quando casei. apanhei dos meus 16 aos 19 anos, não existia proteção preventiva para mulher naquela época e eu me mantive calada, até criar coragem e "fugir" dele.

    Enfim querido, deixo aqui registrado minha admiração pela excelente matéria. Todo tipo de violência deveria ser penalizada severamente.

    яυgı∂σs ρσétι¢σѕ ∂α ℓєσα

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Depois do teu "testemunho" pois á acrescentar,apenas que tudo o que passaste é bárbaro,ainda por cima nessa idade,e depois há o exemplo que relatas,o ano passado foi vitima de um assassínio uma amiga minha Brasileira,e qual é o meu espanto e,acima de tudo,revolta,pois o homem que tinha fugido após ter sido capturado continuou e continua em liberdade e sem qualquer penalização.
      Por isso defendo leis internacionais severas e rigorosas para este tipo de CRIME.

      Beijos grandes

      Eliminar
  3. Obrigada pelo brilhante texto! Soberbo.

    Beijoos
    http://anginhasexy.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado Anginha pelas tuas simpáticas e amáveis palavras,mas sobretudo é uma chamada de atenção para uma realidade que convive diariamente connosco e por vezes na porta ao lado.

      Beijinhosss

      Eliminar

DEIXEM A VOSSA MARCA NO MEU TRILHO